Paraná

Desafio será fluir a produção de alimentos para vários mercados

A afirmação é do governador Carlos Massa Ratinho Junior na abertura da Assembleia Geral Ordinária da Cocamar, em Maringá. Ele reafirmou que o agronegócio é a grande vocação brasileira e que o Paraná é um dos maiores produtores de alimentos do mundo
O governador Carlos Massa Ratinho Junior participou nesta quarta-feira (06), em Maringá, da Assembleia Geral Ordinária de prestação de contas do exercício 2018 da Cocamar (Foto: Mateus Girotto/Cocamar)

O governador Carlos Massa Ratinho Junior participou nesta quarta-feira (06), em Maringá, da Assembleia Geral Ordinária de prestação de contas do exercício 2018 da Cocamar. “O agronegócio vai ser a mola propulsora do meu governo”, disse ele.

Ratinho Junior reafirmou que o agronegócio é a grande vocação brasileira e que o Paraná está pronto para atender as demandas de um mundo que vai precisar de mais alimentos nos próximos anos. “O grande desafio está em fazer fluir a produção para os diferentes mercados”, afirmou.

Para isso, entre outras medidas, o governador defendeu a construção da ferrovia bioceânica ligando Paranaguá a Antofagasta, no Chile, um projeto que definiu como ousado.

Acompanhado do secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, Ratinho Júnior almoçou com a diretoria da Cocamar, dirigentes de outras cooperativas e do segmento cooperativista no Estado, deputados e lideranças municipais.

CICLO DE REUNIÕES

 O evento reuniu cerca de 400 participantes, entre cooperados, dirigentes, lideranças, autoridades e outros convidados. O presidente do Conselho de Administração da Cocamar, Luiz Lourenço, destacou o crescimento de 16,2% registrado pela cooperativa no ano passado, com o faturamento saindo de R$ 3,934 bilhões para R$ 4,571 bilhões.

O bom desempenho foi saudado pelo presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken, que presidiu parte da Assembleia.