Paraná

Helicóptero e novas viaturas para PM e IML reforçam a segurança

São 40 veículos para a Polícia Militar e dez para a Polícia Científica. O helicóptero apreendido com drogas foi reformado e será usado em operações aéreas da PM. Entrega foi feita pelo governador Beto Richa. Ele ressaltou que a ação faz parte da série de investimentos em segurança públicas feitos nos últimos anos
(Foto: ANPr)

O governador Beto Richa entregou nesta segunda-feira (05), em Curitiba, um helicóptero e 50 novas viaturas para reforçar a frota da Segurança Pública no Estado. São 40 veículos para a Polícia Militar e dez para a Polícia Científica, que vão para o Instituto Médico Legal (IML). A aeronave será empregada em operações aéreas da PM.

“É mais uma ação que integra a série de investimentos feitos pelo Governo do Estado, nos últimos sete anos, para a Segurança Pública”, disse o governador. Desde 2011, pelo programa Paraná Seguro, foram adquiridas três mil novas viaturas e contratados 11 mil policiais. Também foi adquirido armamento de última geração para reforçar o combate ao crime.

“O resultado está na queda da violência. Em 2017, o número de homicídios no Paraná caiu 12% em relação ao ano anterior”, disse o governador. Na Região Metropolitana de Curitiba houve queda de 15% no número de assassinatos, comparados com 2016. Também houve redução de 12,6% no volume de roubos no Estado. Em Curitiba a redução foi de 18%.

Os números do ano passado no Paraná são os menores desde 2007, quando os relatórios estatísticos começaram a ser feitos. Em comparação com os dados de 2010, os registros de homicídios no Estado caíram 33%.

ESTRATÉGICO - Os 40 veículos para a Polícia Militar fazem parte do lote de 1.100 viaturas adquiridas pelo Estado no ano passado, com um investimento de R$ 112,3 milhões. As viaturas são do modelo Fiat Palio e serão distribuídas pelo Estado, conforme o planejamento estratégico estadual, baseado nos índices de violência de cada área abrangida pelos comandos militares.

“As viaturas integram o processo de renovação da nossa frota e vão atender as demandas mais prioritárias da PM em todos os municípios do Estado”, destacou o comandante-geral da PM, coronel Maurício Tortato.

De acordo com Tortato, também está em processo licitatório a compra de viaturas mais pesadas para atender o Batalhão de Operações Especiais e as unidades de choque em todas as unidades do Paraná.

O helicóptero de modelo Robinson 44 Raven II, foi apreendido com drogas, atualizado e reformado para que pudesse atender a demanda da segurança. “Essa é uma aeronave própria para as atividades policiais e possivelmente ela será destinada primeiramente para Londrina. Posteriormente poderá ser realocada conforme a necessidade”, disse o comandante da PM.