Quatro Barras

Quatro Barras adere à integração das guardas municipais para fortalecer segurança

 

Dez municípios assinaram ontem (18) o protocolo de intenções para formação do Consórcio Intermunicipal das Guardas Municipais

            O prefeito de Quatro Barras, Angelo Andreatta (Lara), aderiu nesta terça-feira (18) ao protocolo de intenções para a formação do Consórcio Intermunicipal das Guardas Municipais da Região Metropolitana de Curitiba. O consórcio público vai abranger dez municípios da RMC, incluindo Curitiba, e potencializar ações e investimentos conjuntos.

            A formação do consórcio é uma medida de segurança pública compartilhada e de fortalecimento de ações preventivas e de combate à criminalidade. A adesão dos municípios deverá trazer resultados práticos importantes. Com o consórcio, será possível estabelecer programas integrados de segurança e de modernização administrativa, implementar melhorias em programas sociais de prevenção às violências, treinar e aperfeiçoar os guardas municipais, e integrar ações operacionais e de inteligência dos municípios envolvidos.

            Além de Quatro Barras e Curitiba, o consórcio também vai envolver as cidades de Campo Largo, São José dos Pinhais, Araucária, Mandirituba, Fazenda Rio Grande, Colombo, Campina Grande do Sul e Pinhais. 

            "A integração é extremamente positiva porque une forças no combate à criminalidade. A proximidade dos nossos municípios é grande e os problemas são comuns. Toda a ação integrada reflete em resultados mais rápidos, mais informação, novos projetos e consequentemente a busca conjunta por mais investimentos", disse Lara.

            O secretário de Ordem Pública de Quatro Barras, Fabrício Haddad Figueira, que também participou do evento juntamente com o inspetor da Guarda Municipal, Luciano Bernardi, disse que com a integração as guardas municipais sairão fortalecidas. "Os recursos serão otimizados e haverá uma padronização desde a formação até os equipamentos utilizados, revertendo em maior segurança à população. Ou seja, os municípios passam a unir esforços tanto para a captação de recursos quanto para o aprimoramento da suas ações", disse Fabrício.

            O protocolo de intenções é o primeiro passo para a formalização do consórcio. Cada município integrante fará uma lei municipal permitindo sua efetiva adesão. Na visão das equipes o encontro desta terça-feira (18) já consiste numa importante etapa de cooperação e fortalecimento da segurança pública na RMC.               

            Participam da assinatura os prefeitos Angelo Andreatta (Quatro Barras), Rafael Greca (Curitiba), Bihl Zanetti (Campina Grande do Sul), Marcelo Puppi (Campo Largo), Marli Fagundes (Pinhais), Toninho Fenelon (São José dos Pinhais), Luiz Antonio Biscaia (Mandirituba) e Carlos Cesar Casa Grande (Campo Magro).