Secretário de Saúde suspende posse de médico suspeito de fraudar escalas no Hospital Regional do Litoral

O doutor Dennis Wander Dominicis, que seria empossado como diretor técnico do Hospital Regional do Litoral nesta quinta-feira (21), teve sua nomeação suspensa pelo secretário de saúde após vir a tona os plantões fantasmas do médico. Essa atitude demonstra a seriedade da divisão anticorrupção proposta pela governadora Cida Borghetti em seu governo

O secretário de Estado da Saúde do Paraná (SESA) determinou nesta quinta-feira (21) a suspensão da nomeação do médico Dennis Wander Dominicis para do cargo de diretor técnico do Hospital Regional do Litoral. A suspensão  aconteceu diante dos fatos apresentados que segundo o secretário, merecem  apuração responsável, sem esquecer da garantia do contraditório e defesa do médico em questão.Essa atitude vai de encontro ao novo modelo adotado pela governadora Cida Borghetti de apurar as denúncias com seriedade e agilidade. A governadora chegou a criar em seu governo uma divisão Anticorrupção. 

A informação foi confirmada perto das 22 horas de hoje e a Secretaria Estadual de Saúde deve emitir uma nota de esclarecimento ainda nesta sexta-feira (22). A informação foi confirmada pelo presidente da Funeas, Dr. Carlos Alexandre Lorga."Temos sempre o interesse  em garantir o melhor para a população do litoral. E denúncias devem ser apuradas e não ser varridas para debaixo do tapete", disse.

A nomeação do Dr.  Rene Crepaldi Junior para direção geral do Hospital Regional do Litoral fica mantida e o novo diretor já deve iniciar suas atividades a frente do Hospital que é referência para os sete municípiso do litoral.